Qual é o piso ideal para uma sauna?

A partir do momento em que optam por construir uma sauna, muitas pessoas se questionam a respeito de qual é o melhor tipo de piso que elas devem utilizar para compor o espaço de maneira segura e com fácil capacidade de limpeza. O que muitas delas precisam compreender, no entanto, é que, enquanto saunas secas precisam receber um tipo de revestimento, outras plataformas estruturam as saunas úmidas ou a vapor. Para que você entenda quais são as principais diferenças entre elas, listaremos alguns tópicos importantes. Confira cada um deles e os incorpore na construção de sua sauna agora mesmo:

O piso certo para a sauna à vapor

A sauna à vapor é aquela que, como sua própria nomenclatura sugere, se baseia na geração de calor por meio da saída de vapor úmido de suas estruturas internas. Como esse vapor é aquecido de maneira intensa, é comum que os revestimentos das paredes que formatam o espaço tenham de ser rígidas o suficiente para suportar essas pressões ao longo do tempo. O mesmo vale para os pisos. Quanto a eles, materiais impermeáveis devem ser utilizados de forma mais intensa do que qualquer outra opção.

Isto é, revestimentos cerâmicos, marmóres, pastilhas de vidro e porcelana são, de longe, das alternativas mais válidas e funcionais a compor o piso de uma sauna desse tipo. A preferência se dá por cada uma delas por conta das mesmas não só possuírem a capacidade de reter calor, mas também por se comportarem como eficientes plataformas de absorção de umidade.

O piso adequado para a sauna seca

Também como seu próprio nome adianta, a sauna seca não se vale de qualquer geração de vapor aquecido em suas estruturas internas. Isto é, ao não dispersar qualquer volume de vapor de água, essas construções podem contar com pisos mais sóbrios e padrões quando em comparação com as recomendações por trás dos pisos e revestimentos da sauna à vapor. É neste contexto que a madeira se coloca como o material mais apto a cobrir estas superfícies.

Tanto em um, como no outro caso, o mais indicado pelos especialistas em construções de sauna é que, sob nenhuma hipótese, estas construções aconteçam em uma área com carpetes. Além de absorver um elevado índice de poeira em suas composições, o carpete também retém uma forte umidade em suas estruturas.

Onde posso instalar minha sauna?

Ao lado dos questionamentos constantes a respeito dos tipos de pisos aptos a cobrir a superfície de uma sauna, também é comum que alguns interessados em erguer um espaço desse tipo se perguntem com relação à dimensão da área que deve ser disponibilizada para o gesto. Simples e direta, a resposta para esta pendência afirma que a sauna pode ser construída em coberturas, apartamentos e outros tipos de áreas externas residenciais e/ou de clubes. Embora seja solicitado que uma área mínima fique à disposição da construção como um todo, algumas adaptações são possíveis de serem transformadas em prática.

Agora que você já sabe quais são os melhores modelos de pisos a compor a sua sauna, não perca mais tempo e entre em contato com uma empresa especialista neste segmento agora mesmo. Conte com a Impercap Saunas!

Posts Relacionados